Arquivo da categoria: Lutas operárias

Continua a luta dos trabalhadores metalúrgicos em Cádis, com grande manifestação

AbrilAbril23 DE NOVEMBRO DE 2021

 

O oitavo dia de greve por tempo indeterminado, que abrange mais de 20 mil trabalhadores do sector na província gaditana, ficou marcado por uma grande mobilização de apoio e por cargas policiais.

O Conselho Andaluz de Relações Laborais, órgão de mediação da Junta da Andaluzia, acolheu esta segunda-feira na sua sede, em Sevilha, a terceira reunião entre as partes desde o início da greve por tempo indeterminado, que terminou esta madrugada como as duas primeiras, sem acordo. Um dirigente da UGT disse à EFE que o patronato «não alterou o seu posicionamento».

Os trabalhadores do sector, que em Cádis ocupam mais de 20 mil postos de trabalho, decidiram partir para a greve para exigir a renovação do acordo colectivo, que caducou em Dezembro de 2020, o seu cumprimento, aumentos salariais e impedir despedimentos.

Com o fracasso na terceira ronda negocial entre organizações representativas dos trabalhadores e a Federação de Empresas do Metal de Cádis, as partes decidiram voltar a encontrar-se já amanhã para continuar a dialogar.

Entretanto, a greve prossegue. Esta terça-feira, oitavo dia consecutivo de paralisação dos trabalhadores do sector metalúrgico na província gaditana, ficou marcado por uma manifestação de apoio aos operários, à qual se juntou o Sindicato de Estudiantes, e que, segundo foi anunciado pela imprensa, deveria contar com a presença de dirigentes políticos regionais e provinciais de esquerda. leia mais

Novo Germinal: Maio das Lutas Operárias #05: operariado de MG se ergue em plena ditadura

A série Maio de Lutas Operárias, do canal Novo Germinal chega ao último episódio trazendo ao programa o movimento operário de Minas Gerais em plena Ditadura Militar. Quem nos traz estes relatos é a ex-metalúrgica, fundadora do Centro de Memória da Classe Trabalhadora e professora, Maria Antonieta Pereira, ex-militante da Polop. Na nossa bancada, contribuindo no debate, Francisco Lyra, também ex-Polop e integrante do Centro Victor Meyer e deste Novo Germinal.

Novo Germinal: Maio de Lutas operárias – organização no chão de fábrica. Entrevista com Jaime Santiago

Nesta segunda-feira, 17/05*, às 19h, a terceira edição do Maio das Lutas Operárias traz  inserção de base, organização clandestina e luta sindical* metalúrgica.

Quem abre parte de sua bagagem para o Segunda Opinião é Jaime Santiago, ex militante da POLOP, ex dirigente do Sindicato dos Metalúrgicos do RJ e ex presidente da CUT RJ.

Na bancada do programa, Luis Claudio, presidente do Sindicato dos Ferroviários do Nordeste e integrante do Centro de Estudos Victor Meyer, assim como o mediador da Live, Mandacaru.

Canal Novo Germinal, série ‘Maio de lutas operárias’: entrevista com Pery Fálcon

Nesta segunda-feira, 10/05, às 19h, o Maio das Lutas Operárias desembarca na Bahia.

Histórias e lições do movimento operário na Bahia

Quem nos conduz neste mergulho é Pery Fálcon, ex-presidente do Sindicato dos Metalúrgicos da Bahia, militante histórico da POLOP e fundador do Centro de Estudos Victor Meyer (CVM).

Na bancada deste Segunda Opinião, Glaudionor Barbosa, também integrante do CVM, assim como nosso âncora, Mandacaru.

Segunda-feira 10/05/2021, às 19 horas, no Canal Novo Germinal no Youtube (assista aqui clicando na tela acima).

Novo Germinal, série ‘Maio de lutas operárias’: entrevista com Maria Rosangela Batistoni

Nesta segunda -feira, 03/05, às 19h, no canal Novo Germinal, o programa de debates Segunda Opinião dá início à série Maio das Lutas Operárias.

A cada semana, traremos militantes que ajudaram a construir lutas históricas da classe operária brasileira.

Na abertura da série, a entrevistada é a professora aposentada da UNIFESP Maria Rosangela Batistoni, ex-militante da OCML – POLOP, que ajudou a construir a Oposição Metalúrgica de São Paulo (OSMSP), um dos marcos da reorganização operária pela base nos anos 70.

Na bancada do programa, o também ex-POLOP Glaudionor Barbosa, integrante do Centro de Estudos Victor Meyer, assim como Mandacaru, mediador da Live.

Leia aqui a tese de doutorado de Maria Rosangela Batistoni ENTRE A FÁBRICA E O SINDICATO: OS DILEMAS DA OPOSIÇÃO SINDICAL METALÚRGICA DE SÃO PAULO (1967-1987)