Arquivos da categoria: reforma previdenciária

28 abr 1

28 de abril: trabalhadores em luta contra o massacre aos direitos param a produção e a circulação de mercadorias

- (foto acima) Metalúrgicos e trabalhadores de várias categorias em Manifestação na Estrada Campinas/MonteMor

O dia 28 de abril, dia de greve geral contra o desmonte da Previdência, o ataque aos direitos trabalhistas e a terceirização foi marcado pela paralisação de diversas categorias e bloqueios de estradas em várias regiões do país.

A INTERSINDICAL esteve ativamente na construção da greve e em várias regiões junto com diversas organizações parou a produção e a circulação de mercadorias.

Em São Paulo: na região de Campinas, os metalúrgicos junto com o Sindicato pararam a produção nas empresas Benteler, Gevisa, GKN, Bercosul, Magal, Associated Spring e atrasaram a produção na Bosch. Também participamos ativamente da paralisação dos condutores e junto com os trabalhadores da previdência paralisamos todas as agências do INSS da região.

28 abr 2Metalúrgicos  e Estudantes Paralisam a Santos Dumond no Distrito Industrial de Campinas

28 abr 3Atraso na Produção na Bosch

28 abr 4Assembleia com Atraso na Produção na Bosch

28 abr 5Greve na Associated Spring

Na região da Baixada Santista houve bloqueio de rodovia com atraso na produção do polo industrial de Cubatão e paralisação de condutores.

28 abr 6Servidores Municipais de Santos

28 abr 7Repressão no Polo em Cubatão

28 abr 8Paralisação de Estudantes e Trabalhadores da Baixada Santista

Em Franca houve manifestação no distrito industrial que atrasou a produção nas empresas de calçados, indústrias metalúrgicas, cortumes, vestuário e outras.

28 abr 9Sapateiros de Franca em Luta no distrito industrial

Em Rio Claro houve Paralisação na parte da Manhã na Brascabos, Metabio, MDT e Ferrave, e protesto no centro da cidade em conjunto com as demais categorias.

28 abr 10Paralisação na MDT

28 abr 11Manifestação no Centro de Rio Claro

Em Limeira estivemos juntos na Limeirense (transporte municipal) em que todos os trabalhadores aderiram a greve. Na Mercedes Benz (Iracemápolis) os trabalhadores também aderiram a Greve, e depois estivemos junto com as demais categorias no centro de Limeira.

28 abr 12Greve dos Trabalhadores do Transporte na Limeirense.

28 abr 13Greve dos Trabalhadores na Mercedes em Iracemápolis.

28 abr 14Manifestação no Centro de Limeira.

Em Vinhedo houve paralisação do distrito industrial e bloqueios de rodovias no período da manhã.

28 abr 15Paralisação e bloqueio no distrito Industrial.

28 abr 16Bloqueio das Rodovias em Vinhedo.

Na capital houve protesto com paralisação do Hospital do Servidor Público e paralisação nas Agências do INSS. No ramo dos radialistas houve greve na EBC.

28 abr 17Greve na EBC

28 abr 18Paralisação no Hospital do Servidor na Capital

28 abr 19Protesto no INSS na Capital

28 abr 20Em todas essas regiões estivemos juntos com os trabalhadores nos Correios que estão em greve desde o dia 26.

Em Santa Catarina: em Blumenau houve protesto com atraso na produção nas empresas Têxteis como Altenburg e Hering e paralisação dos bancários, vigilantes, Condutores (rodoviários), Eletricitários e Trabalhadores Municipais, além de passeata no centro da cidade. Em Florianópolis os trabalhadores do Incra também paralisaram o trabalho. E Em Chapecó os Trabalhadores das Indústrias de Carnes participaram do ato conjunto no centro da cidade.

28 abr 21Paralisação na Altenburg – Unidade 1.

28 abr 22Paralisação na Altenburg – Unidade 2.

28 abr 23Paralisação de Bancários e Vigilantes em Blumenau.

28 abr 24Protesto no Centro de Blumenau.

28 abr 25Manifestação no Centro de Chapecó

No Rio Grande do Sul: houve bloqueio de estradas paralisando a produção do polo petroquímico de Montenegro, paralisação na JBS, paralisação do transporte público e manifestação dos municipários de Cachoeirinha. Seguimos na greve dos trabalhadores nos Correios de Santa Maria e região. Participamos ativamente na paralisação dos trabalhadores rodoviários de Porto Alegre em que 100% das linhas estão paradas. E estivemos presentes nas manifestações nos centros das diversas cidades.

28 abr 26Paralisação na JBS

28 abr 27Paralisação do polo petroquímico de Montenegro

28 abr 28Paralisação Rodoviários de Porto Alegre

28 abr 29Paralisação da BR 124 – Polo Petroquímico de Montenegro

28 abr 30Greve e Manifestação dos Trabalhadores nos Correios de Santa Maria

28 abr 31Paralisação Trabalhadores Rodoviários de Cachoeirinha

28 abr 32Manifestação dos Trabalhadores em Cachoeirinha

No Paraná: houve paralisação dos professores municipais em Curitiba, do serviço público em São José dos Pinhais e Araucária, manifestação no oeste do Paraná nas cidades de Toledo, Cascavel e Guaíra e estivemos presentes nas paralisações dos professores estaduais e na greve dos trabalhadores nos Correios por todo o estado.

28 abr 33 Ato conjunto em Curitiba

28 abr 34Protesto em São José dos Pinhais.

28 abr 35Protesto em Ponta Grossa.

28 abr 36Protesto em Curitiba.

Em Minas Gerais: paramos a BR em Ipatinga e o transporte público. Metalúrgicos, servidores municipais juntos com seus Sindicatos e outras organizações de luta realizaram protesto que se espalhou pela cidade.

28 abr 37Paralisação dos Trabalhadores do Transporte

28 abr 38Manifestação na Usina e pela Cidade em Ipatinga.

28 abr 39

No Mato Grosso: seguimos na greve dos trabalhadores nos Correios, paralisamos as atividades no Detran e participamos ativamente da paralisação dos trabalhadores do transporte de Cuiabá. Estamos participando do ato unificado com o conjunto dos trabalhadores.

28 abr 40Trabalhadores Rodoviários de Cuiabá em Luta!

28 abr 41Piquetão dos trabalhadores dos trabalhadores nos Correios e no Detran.

28 abr 42Manifestação pelas Ruas de Cuiabá.

No Distrito Federal: bloqueamos a BR 020, participamos da manifestação dos trabalhadores no Saneamento e do ato na Esplanada dos Ministérios.

28 abr 43Manifestação dos Trabalhadores no Saneamento do DF

28 abr 44Trancamento da BR020

No Ceará: seguimos firme na greve dos Correios e participamos das manifestações de rua em Russas e Fortaleza.

28 abr 45Mobilização dos Trabalhadores no Correio

28 abr 46Trancamento na BR 116 em Russas.

Na Bahia: Em Feira de Santana fortalecemos a greve dos trabalhadores nos Correios. E Em Salvador e Feira de Santana nos atos com conjunto da classe no centro da cidade.

28 abr 47 Feira de Santana

28 abr 48Mobilização em Salvador

No Rio de Janeiro: participamos da greve dos trabalhadores nos Correios e dos atos do funcionalismo público municipal e estadual.

28 abr 49Trabalhadores dos Correios do Rio de Janeiro em Greve

28 abr 50Manifestação dos Trabalhadores da Educação e do Conjunto de nossa Classe no Centro do RJ pela manhã.

E A LUTA CONTINUA, PARA BARRAR A REFORMA TRABALHISTA, A TERCEIRIZAÇÃO E O DESMONTE DA PREVIDÊNCIA.

O 28 de abril foi mais um importante momento de enfrentamento contra os ataques do dos patrões, do governo Temer/PMDB e do Congresso Nacional à classe trabalhadora. Seguimos firmes, por nenhum direito a menos, organizando a mobilização para a próxima e necessária greve geral.

E NO 1ͦ DE MAIO, DIA INTERNACIONAL DE LUTA DA CLASSE TRABALHADORA ESTAREMOS NAS RUAS EM MOVIMENTO CONTRA OS ATAQUES DO CAPITAL E SEU ESTADO.